Novas regras da Caixa vigoram a partir de hoje!

Novas regras da Caixa Econômica Federal passam a valer a partir de hoje (24/03/2016). Veja abaixo os novos percentuais de financiamento.

 

Hoje começam a vigorar as novas regras para o financiamento imobiliário pela Caixa Econômica Federal essas regras foram alteradas com intenção de estimular e reaquecer o mercado imobiliário.

A partir de agora é possível financiar pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH) imóveis com valor de até R$ 750.000,00 (para os estados de MG, RJ, SP e DF) e de até R$ 650.000,00 para os demais estados. Os percentuais de financiamento são de 70% para o setor privado e de 80% para os funcionários públicos. Nessa modalidade ainda é possível utilizar os recursos do FGTS como entrada do imóvel. Continuar lendo

Anúncios

CAIXA vai financiar até 70% dos imóveis usados.

A Caixa Econômica Federal que em maio de 2015 reduziu o percentual de financiamento para imóveis usados ao patamar de 50% do valor do imóvel, resolve aumentar esse patamar para 70% do valor pelo sistema SBPE.
Agência da CEF
Agência da CEF

A Caixa Econômica Federal anunciou nesta terça-feira (8) medidas para tentar facilitar a compra da casa própria, em meio à falta de crédito no mercado. As principais mudanças são:

  • Liberação de R$ 7 bilhões para a linha chamada de Pró-cotista

Essa linha de crédito financia até 85% do valor do imóvel novo ou usado (para imóveis de até R$ 750 mil), em até 30 anos, com taxa de juros entre 7,85% e 8,85% ao ano.

Esse financiamento usa recursos do Programa Especial de Crédito Habitacional ao Cotista do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço).

Para contratar, é preciso ter conta ativa no FGTS e Continuar lendo

Caixa Economica Federal altera as regras para o financiamento.

Após 2015 ser marcado pela alto dos juros e diminuição dos percentuais para financiamento, a CEF inicia 2016 com uma boa notícia para o setor e os compradores.

novas-regras-para-financiamento-imobiliario-caixa-economicaA CEF anunciou algumas mudanças que terão impacto direto no financiamento imobiliário e nas vendas de imóveis. As mudanças atende principalmente a classe média.

FUNDO PROCOTISTA FGTS

No ano passado (2015) a CEF havia reduzidoo valor limite para financiamentos com fundo Procotista FGTS para imóveis com valor de até Continuar lendo

As novas diretrizes do financiamento imobiliário afeta o mercado?

Recentemente a Caixa Econômica Federal – CEF anunciou mudanças no financiamento imobiliário e isso impactou diretamente no mercado de imóveis. E como nós corretores podemos agir?
financiamentos-de-imoveis

Em maio deste ano (2015) a CEF anunciou novas regras para o financiamento imobiliário, onde os imóveis que anteriormente eram financiados em até 90% do valor passou a ser de 50% para os financiamentos baseados na poupança (SBPE) e para 80% nos imóveis financiados pelo FGTS (pró cotista). E isso gerou um grande desconforto nos possíveis compradores de imóveis.

Segundo uma pesquisa Continuar lendo

Financiamento Imobiliário: CEF terá novas regras para o SBPE.

A Caixa Econômica Federal mudará as regras para o financiamento imobiliário.

SBPE.png

Segundo publicação da Página do Facebook Resumo Imobiliário a CEF terá novas regras para os financiamento de imóveis no ambito do SBPE a partir de 13/04/2015. Confira abaixo as principais alterações que serão promovidas:Vejam os detalhes da alteração:TAXA DE JUROS.

Serão alteradas as taxas de juros das operações de financiamento de imóveis residenciais no âmbito do SFH, conforme cada nível de relacionamento abaixo: Continuar lendo

Novas taxas de Financiamento Imobiliário!

Depois de o Governo Federal anunciar o aumento do teto no valor do imóvel para o uso do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), a Caixa Econômica Federal (CEF) divulgou novas taxas para o financiamento imobiliário:

Agora imóveis com valor de R$ 190.000,00 até R$ 750.000,00 e para clientes que optem por manter relacionamento com o Banco as taxas são as seguintes:

  • Taxa de 7,8% a.a. para clientes com pacote de relacionamento  e conta salário (C.Corrente + Cheque Especial + Cartão de Crédito+ Débito automático da prestação + Crédito de salário na conta da Caixa)
  • Taxa de 8,3% a.a. para clientes somente com o pacote de relacionamento (C.Corrente + Cheque Especial + Cartão de Crédito+ Débito automático da prestação)

Funcionários públicos federais, estaduais ou municipais têm ainda taxas menores, conforme segue:

  • Taxa de 7,7% a.a. para clientes com pacote de relacionamento  e conta salário (C.Corrente + Cheque Especial + Cartão de Crédito+ Débito automático da prestação + Crédito de salário na conta da Caixa)
  • Taxa de 8,1% a.a. para clientes somente com o pacote de relacionamento (C.Corrente + Cheque Especial + Cartão de Crédito+ Débito automático da prestação)

Já para imóveis com valor de até R$ 190.000,00 as taxas variam de 4,59% a.a. até 7,93% a.a. variando conforme a renda do cliente.

Aproveitem para comprar seu imóvel com condições imperdíveis.

VAST Imóveis

(11) 2283-5457

Hora de comprar sua casa própria!!!

Prazo do financiamento da Caixa passa de 30 para 35 anos!

Se você pretende comprar um imóvel financiado, a hora é essa, pois os juros estão menores e o prazo mais longo, com isso o valor das prestações ficaram menores e mais acessíveis à todos. Não perca mais tempo e aproveite essa oportunidade, acesse nosso site e escolha seu imóvel: www.vastimoveis.com.br.

Entra em vigor nesta segunda-feira (11) a nova regra da Caixa Econômica Federal (CEF) de ampliação do prazo limite de pagamento do empréstimo habitacional, que passa de 30 anos para 35 anos, valida somente para novas operações com recursos de poupança. Além disso, para imóveis financiados pelo Sistema Financeiro de Habitação (SFH), a taxa cai de 9% para 8,85% ao ano, para todos os clientes.

Estas medidas foram divulgadas pela instituição financeira na última terça-feira (05). O vice-presidente de Governo e Habitação do banco, José Urbano Duarte, explicou que para os imóveis financiados pelo Sistema Financeiro da Habitação (SFH), as taxas caem 9% para 8,85% ao ano, para todos os clientes. O percentual pode chegar ainda a 7,8% ao ano, dependendo do grau de relacionamento do comprador com a Caixa. Nos casos citados a Taxa Referencial (TR) não está inclusa.

Para imóveis fora do SFH, com valor acima de R$ 500 mil, o percentual cai de 10% ao ano para 9,9% ao ano para todos os clientes, podendo chegar a 8,9% ao ano no caso de relacionamento com a caixa.

O banco também anunciou que está reduzindo as taxas de juros para financiamento à produção de unidades residenciais com recursos da poupança e ampliou o prazo de financiamento de 24 para 36 meses. A taxa efetiva praticada no programa Plano Empresa da Construção Civil é de 11,5% e está sendo reduzida para 10,3%. Para os clientes com relacionamento com o banco, a taxa poderá chegar a 9%. O programa é destinado a construtoras e incorporadoras.

Para imóveis comerciais, os juros efetivos serão reduzidos de de 14% para 13%. Essa taxa poderá chegar a até 11% para os clientes que têm relacionamento com o banco. Nos casos de financiamento para construção ou aquisição de imóvel próprio, a taxa cairá dos atuais 13,5% para 12,5%, válida para todos os clientes, e pode chegar a até 11,5% se o cliente tiver relacionamento com a Caixa.

Simulação da CEF – O banco fez uma simulação das vantagens com as medidas anunciadas. Para uma pessoa com renda familiar de R$ 10 mil, o limite de financiamento sobe de R$ 267 mil para R$ 280 mil. Se for cliente do banco, esse valor chega a R$ 303 mil. O cliente ainda pode optar por reduzir o valor da prestação do financiamento. Para uma operação de R$ 267 mil, a prestação cai de R$ 3 mil para até R$ 2.604 mil. (Com agências)

Fonte: ZAP