Porque morar na Zona Norte de S.Paulo?

Postado em Updated on

Há vários motivos para você escolher a Zona Norte de S.Paulo como local de residência, e conte com a VastImoveis para ajudá-lo a encontrar seu imóvel, abaixo faremos um breve relato desses motivos:

Localização

Dá-se genericamente o nome de Zona Norte de São Paulo à área do município de São Paulo situada ao norte do Rio Tietê, com exceção do distrito de Jaguara. Oficialmente, distinguem-se as seguintes zonas:

·       Zona Nordeste de São Paulo

·       Zona Noroeste de São Paulo

 

Mapa da Zona Norte de S.Paulo

No entanto, pela divisão de zonas geográficas adotada pela prefeitura, considera-se Zona Norte como sendo a região das subprefeituras da Zona Nordeste. As demais subprefeituras localizadas no eixo setentrional do rio Tietê, como Freguesia do Ó, Pirituba e Perus, fazem parte da Zona Noroeste. Apesar da localização e proximidade com os distritos da região Nordeste, o distrito de Jaguara é administrado pela Subprefeitura da Lapa, sendo assim pertencente à Zona Oeste da cidade.

Características

Historicamente a Zona Norte de S.Paulo servia de acesso a cidades vizinhas, seja por ferrovias, caso da Estrada de Ferro Santos-Jundiai ou via terrestre, como no Caminho de São Paulo ou na Estrada velha de Campinas. Em sua formação era povoada por sítios e chácaras que abasteciam a cidade com alimentos. Seu desenvolvimento parcial ocorreu somente no Século XX através da construção do Tramway Cantareira. Existem na região muitas fontes de água natural, são elas: Fonte São Pedro, Fonte Gioconda e Fonte Fontalis.

Situa-se nesta área da cidade o Aeroporto Campo de Marte, o primeiro da cidade e o quinto mais movimentado do país; o Museu Aberto de Arte Urbana de São Paulo, primeiro do tipo no Brasil e no mundo; o Complexo do Anhembi, um dos maiores centros de exposições do país, onde é realizado o Carnaval Paulistano; o Terminal Rodoviário Tietê, o maior do país e da américa Latina; o Shopping Center Norte, o mais movimentado da cidade; o hotel Holiday Inn Anhembi, o maior do país; o Pico do Jaraguá, o ponto mais alto do município; além da Serra da Cantareira e do Parque da Cantareira, a segunda maior floresta urbana nativa do mundo. Devido aos seus 12 parques, a zona possui 4,67 m² de área verde por habitante, o que supera todas as regiões da cidade.

Vista aérea do Aeroporto Campo de Marte

A Zona Norte de S.Paulo Apresenta áreas nobres, como: Alto de Santana, Jardim São Paulo, Parque Palmas do Tremembé, Serra da Cantareira, Jardim Barro Branco, Jardim Floresta, Jardim São Bento, City América, Jardim Guapira, Chácara Inglesa e Jardim França; bairros de classe média: Tucuruvi, Mandaqui, Freguesia do Ó, Limão, Imirim, Chora Menino e Casa Verde; bairros em mudança de perfil sócioeconômico como: Parada Inglesa, Água Fria, Santa Teresinha, Lauzane Paulista e Vila Ede; e bairros populares, geralmente localizadas na periferia da região, às margens do Rio Tietê, as encostas da Serra da Cantareira e do Pico do Jaraguá.

Atualmente a zona norte de S.Paulo é muito heterogênea, principalmente na comparação entre as regiões nordeste e noroeste. A primeira é a área mais desenvolvida e populosa da região, onde concentram-se estabelecimentos do setor de serviços. Santana é o distrito que exerce uma maior influência comercial e cultural nesta micro-área, pois é o local com maior comércio, número de escolas e melhor infraestrutura. Formada pelas subprefeituras de Casa Verde, Santana / Tucuruvi, Vila Maria / Vila Guilherme e Jaçanã / Tremembé, possui 1.181.582 habitantes e 152 km².

Já a região noroeste é uma das áreas mais carentes da cidade. Onde há uma precariedade de serviços públicos, como: saúde, educação e transporte. Em seu território estão localizadas importantes vias que ligam a cidade ao interior, ao redor destas há um destaque para o setor industrial. Está em desenvolvimento, por meio de processos públicos de urbanização e regularização de favelas. Apresenta 1.007.691 habitantes e 144 km², sendo menor em área do que a a zona nordeste, é formada pelas subprefeituras de Freguesia do Ó, Pirituba e Perus.

Área Verde

Segundo a secretaria municipal do verde e do meio ambiente, a zona norte de SP é a região com maior área verde por habitante. O cálculo foi feito com base na área total de parques de cada região, divulgada pela Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente, e no total de habitantes dessas áreas, de acordo com levantamento feito pela Fundação Seade em 2009. Somando as áreas de todos os parques por zonas, a região centro-oeste conta com 1,197 km² de espaços verdes ao ar livre (o que representa 0,95 m² por habitante); a zona leste tem 7,721 km² (1,90 m²/habitante); a zona norte, 10,222 km² (4,67 m²/habitante); e a zona sul, 2,551 km² (0,71 m²/habitante). (Fonte R7)

Horto Florestal – Zona Norte SP
Parque da Juventude – Zona Norte SP

Generalidades

A zona norte de S.Paulo foi cenário de produções teledramáticas e cinematográficas, exemplo das novelas “Rainha da Sucata” de Silvio de Abreu, “Tiro e Queda” de José Paulo Vallone e “Passione” de Sílvio de Abreu; da série Antônia da produtora O2 Filmes e dos filmes “Antônia” de Tata Amaral, Carandiru de Hector Babenco e “Bicho de Sete Cabeças” de Laís Bodanzky. A região também foi palco de crimes e acidentes qua marcaram a história do país, como: o Massacre do Carandiru, o Caso Isabella Nardoni e os acidentes aéreos de Álvaro Monteiro de Barros Catão, de José Carlos Pace e dos integrantes do grupoMamonas Assassinas.

Algumas personalidades brasileiras de diversas áreas de atuação nasceram ou moraram na Zona Norte de S.Paulo, na política: Jânio Quadros, que transformou a região, particularmente o bairro da Vila Maria, em seu grande reduto eleitoral, nos esportes: Ayrton Senna, Chico Landi, Éder Jofre e Maria Lenk, na literatura: Hilda Hilst e na música: Marcelo Rossi e Sérgio Reis. No passado, abrigou os estúdios da extinta Rede Excelsior e do SBT, na Vila Guilherme, próximo à Cidade Center Norte, empreendimento do visionário Otto Baumgart. Além de abrigar a sede do jornal O Estado de S. Paulo, possui uma variedade de “jornais de bairros”, tais como: A Gazeta da Zona Norte, Jornal SP Norte, Jornal Semanário da Zona Norte, Jornal da Serra, Jornal São Paulo de Fato, Imprensa Zona Norte, Freguesia News e a Revista ZN.

IMÓVEIS

Atualmente, devidos aos atrativos listados acima, a zona norte de S.Paulo é um local muito procurado para morar. Há na região apartamentos, casas em condomínio fechado, casas de rua, sobrados em todos os padrões. Os imóveis da Zona Norte de S.P. vêm constantemente em uma crerscente de valores, hoje podemos encontrar lançamentos com valor de R$ 7.000,00 / m². Já os imóveis avulsos ou de terceiros giram entre R$ 4.000,00 e R$ 6.000,00 o m².

Também na Zona Norte de S.P. há muitos pontos comerciais de grande valor, e atualmente a região está em plena expansão comercial. Em breve teremos a inauguração do Shopping Metrô Tucuruvi que certamente trará grande valorização para toda região norte.

Venha você também morar na Zona Norte de S.Paulo. E para isso conte com a VastImoveis na hora de comprar seu imóvel, seja ele apartamento, casa, casa em condomínio, sobrado ou qualquer outro tipo que lhe agrade.

About these ads

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s